Melasma: Tratamento e algumas curiosidades!

josi Fala comigo Brasil!

Hoje eu voltei com o tema “Melasma”, como prometido, pois dei início a um tratamento na última semana e quero mostrar detalhes do início ao fim para que possamos comparar, fazendo um “antes e depois”.

Passando o DermaRoller na bochecha

Claro que o “antes e depois” vai demorar um pouquinho ainda, porque o tratamento não acontece como mágica; leva um tempo pra aparecerem os resultados, mas já dá pra tirar as dúvidas de muita gente que não tem ideia de quais são as opções, como são e se funcionam.

Pra quem ainda não leu o post sobre Melasma, onde falo com detalhes o que é, suas causas, o que fazer para evitar e os diversos tipos de tratamentos que existem, segue aqui o link: https://dicasdamaia.com.br/2017/10/09/melasma/

Sem mais delongas… Bora lá!

Só relembrando: O que é o Melasma?

É uma manchinha escura que aparece no rosto e normalmente atinge áreas como testa, bochechas, nariz e buço. Sua tonalidade varia de acordo com seu grau, desde o marrom mais clarinho até o bem escuro. Ele possui níveis diferentes, como: superficial, médio ou profundo. E cada nível precisa de um tratamento diferente.

Melasma antes

O meu, como podem perceber vai de médio a profundo.

Tratamentos:

Hoje existe uma infinidade de técnicas, produtos e aparelhos no mercado, como:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Micro Agulhamento;

Peelings;

Aplicação de ácidos injetáveis;

Laser – Lembrando que nem todas as peles aceitam bem o laser ou são fotossensíveis, podendo ocasionar o efeito rebote, onde a mancha volta por completo ou pior;

Produtos de uso tópico como ácidos, pomadas, vitaminas; entre outros.

 

O meu Tratamento:

Débora de Campos Primeira etapa: Consulta e Avaliação da minha pele e histórico.

Sim. É realizada uma avaliação também do seu histórico de saúde, hábitos, sua rotina, etc; para saber/avaliar se sua pele pode ou não receber determinado produto, o que você já usou e por quanto tempo, as possibilidades de alergias, se existe fotossensibilidade, e quando há, que é o meu caso, o laser e a luz pulsada são os primeiros da lista A SEREM CORTADOS, entre outras mil observações que são feitas sobre você e sua pele e anotadas em uma ficha de avaliação facial (Anamnese), que serve para controle e acompanhamento do profissional que está te tratando.

 

Avaliação pronta. Vamos às soluções para o meu tipo de pele e grau de melasma?

O tratamento proposto pela biomédica Débora Campos, inicialmente para 3 meses e depois existirão algumas reduções na frequência/manutenção e talvez alteração de algum procedimento:

VITAMINA C SERUM

Vitamina C – de uso tópico (30 ml – Varia de acordo com a marca de R$ 100,00 a 300,00)

 

HELIORAL

Antioxidante em cápsulas (60 cápsulas – Varia de acordo com a marca de R$ 70,00 a 200,00)

 

Derma roller

Microagulhamento – 1 sessão por mês (Varia de acordo com o local do tratamento de R$ 240,00 a 400,00 a sessão)

 

peeling

Peelings – 2 por mês (Varia de acordo com o local do tratamento de R$ 100,00 a 200,00 por Peeling)

 

CICAPLAST

Pomada CicaPlast Baume B5 – de uso tópico para auxiliar na cicatrização pós Microagulhamento (40 ml – Varia de R$ 60,00 90,00)

 

DERMOMAX

Dermomax Lidocaína – Pomada anestésica de uso tópico para ser utilizada antes do procedimento (5 ml – Varia de R$ 15,00 a 25,00)

E muito protetor solar.

 

Digo inicialmente, pois, como ela sempre afirma, de acordo com a resposta da pele, ela altera o tratamento, substituindo, retirando ou acrescentando um item. Por enquanto essa é a proposta que vocês acompanharão aqui junto comigo.

 

Observação importante: Esse cronograma de tratamento foi montado para o meu tipo de pele e melasma. Estou divulgando para que possamos acompanhar e avaliar juntas o resultado, para que mensurem o tempo necessário para se programarem financeiramente, pois uma vez começado o tratamento, o ideal é que vocês não parem; e para que saibam que existe sim, tratamento para essas manchinhas terríveis. Não sigam esse mesmo cronograma, pois pode não funcionar pra vocês, além do risco de se fazer determinados procedimentos ou usar medicamentos sem acompanhamento médico.

PROTETOR VICHY

Ah e por minha conta aderi também a um Protetor Solar da VICHY com Cor e Efeito Clareador, FPS 60, Fator de Proteção UVA e em Gel-Creme, que é ideal para peles oleosas.

Depois farei uma resenha sobre esse protetor pra vocês.

 

Primeiro dia: Microagulhamento

Antes de sair de casa, limpei a pele e passei a pomada anestésica Dermomax, indicada pela médica.

Melasma antes 1

E não passei nenhuma maquiagem, apenas o protetor solar.

Na clínica 1

Já no consultório, minha pele foi higienizada e uma nova camada de anestésico foi aplicada.

Higienização

O procedimento do Microagulhamento durou em média umas 2 horas.

Procedimento

 

Passando o DermaRoller na bochecha

Durante todo o procedimento e também ao final dele, meu rosto foi massageado com Vitamina C pura e Ácido Tranexâmico, para que eles penetrassem bem na pele.

Vitaminas e ácidos.jpg

No final do processo todo, o rosto fica bem vermelho, parece que você teve uma insolação (rs).

Pós derma roller imediato 1

 

Dermaroller completo no rosto pós 1

Coloquei meus óculos gigantes e saí de lá como se tudo estivesse normal e ninguém estivesse me olhando na rua…

ÓCULOS

Por dois dias não tomei sol e não usei nada no rosto – a não ser a pomada Cicaplast Baume B5.

Pós dermarroller rosto

Apesar de parecer machucado, o rosto fica apenas vermelho devido ao processo de inflamação e essa vermelhidão já começa a desaparecer no segundo dia.

PÓS MELASMA

E é exatamente onde começa a verdadeira “operação do milagre”

milagre

e seu corpo passa a produzir o colágeno que já não estava mais sendo produzido e há uma regeneração da pele durante uns 30 dias aproximadamente, que é quando a sessão poderá ser repetida.

calendario

Como meu melasma está em grau avançado, voltarei dentro de 15 dias para realizar 2 peelings; e passados mais 15 dias, retornarei ao Microagulhamento e assim vou continuar durante 3 meses, até que a biomédica alternará ou reduzirá algum procedimento ou medicamento, como havia dito no início.

mancha-melasma.jpg

Nesse primeiro procedimento ainda não teremos o resultado desejado, mas servirá de base para compararmos ao final desses três meses.

Tipo assim:

antes.jpg
Antes…
Depois
Depois.

#Sóquenão

O “antes e depois” poderá ser feito sem enganação e não tipo aquelas propagandas de “Perca 50 quilos de forma saudável em 7 dias com uma dieta mágica”. Tipo essa aí de cima, não é?!

Importante ressaltar que, esse tempo estimado e tratamentos escolhidos, são para o meu tipo de pele. Para outras pessoas esse número pode ser menor ou maior, bem como o tipo de procedimento.

importante  Dicas Importantes  importante

Façam esse procedimento com um profissional, pois existe a forma correta de aplicar o Dermaroller, de higienizar o rosto e o que for utilizado durante a sessão – para evitar infecções – e até mesmo o tamanho das agulhas é diferente para cada problema a ser tratado, bem como os produtos aplicados durante o microagulhamento, são específicos e puros, livres de outras substâncias, que encontramos nos produtos que conseguimos comprar em farmácias, lojas de cosméticos, etc.

Um profissional especializado vai avaliar qual é seu histórico, tipo de pele, grau de melasma; e vai aplicar um tratamento adequado, além de orientar a sua manutenção correta em casa.

Quando você utiliza receitas feitas para outra pessoa ou aparelhos que você não conhece bem, eles podem até funcionar pra você no início; mas o resultado pode ser desastroso ou você pode ter um efeito rebote. E o tratamento pode ficar muito mais caro e demorado do que se tivesse tratado com um profissional desde o início.

DERMAROLLER EM CASA . DEU RUIM.
Antes                                                                                               Depois

 

Curiosidades sobre o Melasma e o Microagulhamento…

– Estresse e Ansiedade podem aumentar/escurecer as manchas devido a uma alteração hormonal. Isso vale também para acne. Estresse

– Algumas receitas caseiras, principalmente com uso do limão, ou produtos sem prescrição médica, podem piorar o grau do melasma, causar alergias, queimaduras e até manchas piores.

limao

– O nome do procedimento correto é Microagulhamento e não DermaRoller. DermaRoller é uma marca, assim como “Sugar”.

– A Técnica do Roller é aprovada pela ANVISA.

– O Roller deve ser descartado ao final do Microagulhamento e só pode ser utilizado em uma pessoa e uma única vez.

lixo

– Quem tem pele fotossensível, não deve utilizar tratamento com laser ou luz pulsada, pois o efeito rebote é garantido.

Woman receiving facial skin treatment

– Peles morenas e negras tem maior facilidade para adquirir manchas.

– Peles mais claras costumam ser mais sensíveis ao sol.

– Se você tem melasma é ainda pior, mas vale pra quem não tem também. Você passa protetor solar somente no rosto e toma sol nas pernas, braços ou qualquer outra parte descoberta e sem proteção. Seu melasma vai se intensificar da mesma forma, pois os raios UVA penetram profundamente na pele e as substâncias ali produzidas, entram na corrente sanguínea e seu organismo entende que precisa se proteger, liberando mais melanina e escurecendo suas manchas.

SOL

Aí você pensa: “Ah eu não tenho melasma. Tô de boas!” Não. Não está. As mesmas substâncias entram em sua corrente sanguínea, e como já disse no post sobre o uso do protetor solar (https://dicasdamaia.com.br/2017/10/02/protetor-solar/), tanto para o envelhecimento, como surgimento de manchas, etc… o sol é cumulativo.

– Um Protetor Solar deve apresentar Fator de Proteção UVA e UVB. Sempre.

ppd

– Retoque o protetor solar a cada 2 horas, a não ser que esteja em um ambiente fechado, tipo um escritório e esteja utilizando um protetor fotoestável, que garante uma proteção mais duradoura.

– Não é só o sol que causa ou aumenta o melasma; o calor também.

Pra finalizar: Aquelas Dicas da Maia, que você pode usar em casa e não podem faltar:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Argila branca – Ela tem o efeito clareador da pele e pode ser usada em casa até duas vezes por semana com tempo máximo de permanência de até 20 minutos.

Vitamina C – Pode ser usada em formato de cremes e séruns – lembrando sempre do Filtro Solar.

Antioxidantes (Vitaminas, Minerais…) – Consuma alimentos que são ricos em antioxidantes, como por exemplo, o chá verde, o azeite de oliva, amêndoas, frutas cítricas, orégano, tomilho, cebola, tomate, cenoura, brócolis, morango, banana, chocolate amargo, açaí… e uma infinidade além desses que citei (Farei um post futuramente falando um pouco mais sobre os antioxidantes).

Boa alimentação e Hidratação – Beba muita água!

Bom pessoal, o tratamento apenas começou e vocês vão acompanhar de perto, tanto aqui no Blog, pelas fotos e descrição do processo todo, como também nas redes sociais e em breve pelos vídeos, que estarão no Canal Dicas da Maia.

Sem título

Fico por aqui e até a próxima segunda com mais Dicas da Maia!

Ficou com alguma dúvida?

Deixe aqui nos comentários e eu irei te responder em breve!  josi

 

ACNE

Dicas da Maia Fala comigo Brasil!

Hoje estou de volta com o tema “manchas na pele”, atendendo aos pedidos aqui do Blog e também das redes sociais.

Atendendo a pedidos

E vamos falar sobre como combater essas indesejáveis manchas no rosto causadas pela acne.

Rosto manchado pós acne

Em uma linguagem menos técnica e mais simples de compreender: A acne é uma condição da pele que apresenta sebo em excesso e entope a passagem desse sebo até a superfície, o que causa a inflamação devido ao acúmulo de bactérias que se alimentam desse sebo em excesso.

Como surge a acne

Obs.: A produção normal do sebo é totalmente saudável, pois ajuda a proteger a pele, evitando a evaporação da água do nosso corpo, deixando nossa pele mais hidratada, mantendo nosso PH equilibrado, entre outros fatores…

O problema, como basicamente tudo na vida, é o excesso.

O Pensador - Excesso

Minha amiga tem acne, mas a dela não mancha como a minha. Por quê?

Cada tipo de pele é único; e sobre isso já falei em posts anteriores (Melasma e a escolha do Protetor Solar), interferindo diretamente em nossas escolhas, ajudando a prevenir, tratar ou agravar um problema de pele.

Se você desconhece qual é o seu tipo, pode estar usando produtos que estão prejudicando ao invés de ajudar.

Pele Oleosa.jpg

Por exemplo, se sua pele é oleosa e você escolhe a maquiagem errada ou o protetor solar mais oleoso, está colocando ainda mais óleo em sua pele e, consequentemente, irá tornar mais propício o aparecimento ou agravamento da acne. Por isso, o primeiro passo é identificar o seu tipo de pele, para só depois comprar seus produtos, sejam eles da sua rotina de beleza diária ou tratamento.

E como descobrir qual é meu tipo de pele?

Tipos de Pele

Um profissional qualificado pode te auxiliar nessa descoberta e te indicar o tratamento adequado. Lembre-se que o tratamento da sua amiga, que tem uma pele diferente da sua, pode não funcionar pra você e ainda pode piorar a sua acne. Então comece com uma consulta ao dermatologista.

Outro ponto é que, assim como o tipo de pele varia de pessoa para pessoa, a acne também.

Tipos de Acne:

Você pode encontrar diversos tipos de acne e graus diferentes em cada uma:

Bebê com acne.jpg

Acne Neonatal – Genética. É passada de mãe para filho e o bebê já nasce com várias espinhas. Mas elas passam sem a necessidade de medicamento. Não passe nada na criança para tratar.

Acne Pós Parto – É passada de mãe para filho através da amamentação e o bebê fica com várias espinhas. Mas elas também passam sem a necessidade de medicamento.

 

Maquiagem X Acne

Acne Cosmética – Uso de cosmético errado na pele ou a não remoção da maquiagem, que obstrui os poros e não permite que a própria pele respire e elimine a sujeira.

 

Acne Alimentar.png

Acne Medicamentosa – Causada por efeito colateral de alguns medicamentos e suplementos como: Complexo B, Cortizona, Reposição Hormonal, Whey Protein, alguns anticoncepcionais, entre outros.

 

chocolate.jpg

Acne Alimentar – Alguns alimentos contribuem para o aparecimento ou inflamação da acne, como os muito gordurosos ou com alto teor de glicose.

Existem discussões entre os profissionais da área se a alimentação realmente interfere na acne. Alguns afirmam que sim, outros que não; mas pensando que, gordura e açúcar geralmente são indicados como primeiro corte em uma alimentação para uma vida mais saudável, fiquei com essa opção, pois a redução destes só trará benefícios à minha saúde.

Opinião do Dr. Daxbacher (Graduado em Medicina, Especialização em Dermatologia e Sócio Titular da SBD – Sociedade Brasileira de Dermatologia)

“Até alguns anos atrás acreditávamos que não havia influência, mas hoje as pesquisas mostram o contrário. Os alimentos altamente calóricos e com alto teor de gordura, principalmente os ricos em glicose (como chocolate), favorecem as infecções. Quando o organismo se depara com picos de açúcar, ele rapidamente coloca a insulina (hormônio que controla a taxa de glicose) em ação para controlar as alterações, e quando há desregulação hormonal, aparece a acne”, explica Daxbacher.

Trecho abaixo extraído do site do Dr. Dráuzio Varella:

‘Mas não é o alimento, isoladamente, que dá espinha. Para ela aparecer é necessário haver uma relação negativa entre o organismo e a comida. Se existe tendência acneica, provavelmente a pele será afetada por esse fator externo. Steinberg ressalta que “claramente uma alimentação saudável beneficia a aparência e a saúde da pele, mas sua influência no surgimento da acne ainda é bem pequena”.’

Adolescência

Acne Hormonal e também chamada de Acne Vulgar (não entendi o porquê desse nome, mas encontrei isso em minhas pesquisas)– Essa é a mais comum, principalmente nos adolescentes, devido aos hormônios.

ACNE GRAVE

Acne Cística – É rara, mais grave e comum para homens jovens. Espinhas grandes se desenvolvem no rosto, peito, costas, braços e coxas.

acne FULMINANTE

Acne fulminante Também é grave e geralmente atinge os adolescentes. Nesse tipo de acne, um grande número de espinhas se desenvolve de forma rápida nas costas e no peito e muitas vezes, as pessoas que apresentam esse tipo de acne, sofrem com febre e dor muscular e óssea.

 

MANCHAS DE ACNE

Minha pele já manchou. E agora?

Prevenção é o melhor remédio e todo mundo sabe!

Não cutucar a espinha pode evitar e muito que sua pele manche. Por quê?

CUTUCAR ESPINHA JAMAIS

Quando você mexe em uma espinha ou cravo (qualquer tipo de acne), você espalha as bactérias em sua pele além de levar mais bactérias através dos dedos e unhas, agravando ainda mais aquela acne.

Então #FicaaDica Não cutuque!

A partir dos tipos de acnes, que citei aí acima, você identifica qual é o seu e consegue escolher o melhor tratamento, bem como pode ficar mais atento ao que você coloca em seu corpo, tanto interno quanto externamente.

TRATAMENTO ACNE

Tratamento

Existem vários tipos de tratamento como peelings, laser, luz pulsada, rádio frequência, antibióticos, anti-inflamatórios… todos realizados em clínicas por profissionais capacitados, que te darão, além desse tratamento correto, as devidas orientações para uma manutenção benéfica em casa.

Importante: Trate a acne antes de tentar tratar a mancha de acne.

10 MANDAMENTOS ACNE . DICAS DA MAIA

Dica da Maia que você pode fazer em casa sem medo de errar:

Lave o rosto  Lave o rosto pelo menos duas vezes ao dia, uma pela manhã e outra a noite, com o sabonete, espuma ou gel de limpeza adequado para sua pele;

Use uma loção tônica para equilibrar a oleosidade e devolver os sais minerais para a pele;

TÔNICOS FACIAIS.jpg

De 1 a 3 vezes na semana, utilize um tônico adstringente (não use todos os dias em hipótese alguma);

De 1 a 2 vezes por semana, use argila verde (para controlar oleosidade e fechar os poros) ou branca (para ajudar na uniformização do tom da pele e clareamento para manchas);

MÁSCARA DE ARGILA.JPG

Obs. Quem tem melasma, deve deixar a argila branca no rosto NO MÁXIMO até 20 minutos. Não ultrapasse esse tempo.

Confira mais detalhes neste post sobre melasma: Dicas da Maia – MELASMA

De 1 a 2 vezes por semana faça uma esfoliação leve – que não agrida seu rosto. Você pode usar a própria argila para realizar essa esfoliação. Só não faça todos os dias;

A babosa (Planta Aloe Vera) pode ser usada no rosto para auxiliar na redução da oleosidade e também tem efeito cicatrizante (falarei um pouco mais sobre essas receitinhas sem risco em um próximo post);

ALOE VERA . BABOSA.jpg

Use após a limpeza uma loção tônica somente sobre a acne. Ela é secativa e ajuda a reduzir a inflamação;

Para pele acneica / oleosa, é indicado o uso de gel ou fluído hidratante à noite ao invés de cremes, já que os cremes, em sua maioria, são à base de óleo;

Use e abuse do Protetor Solar – lembrando de usar aquele que é adequado para seu tipo de pele, com as devidas proteções UVA e UVB e retocando de acordo com o tipo de protetor e situação/local.

Confira mais detalhes neste post sobre a escolha do Protetor Solar: Dicas da Maia – Como escolher seu Protetor Solar.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 Referências de pesquisa para o texto de hoje: 

Referência em Dermatologia

Flávia Stenberg – Médica colaboradora do departamento de Dermatologia da Unifesp.

Egon Daxbacher – Médico, Dermatologista e Sócio Titular da SBD – Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Dra. Natalia Cymrot – Dermatologista.

Patrícia Elias – Graduada e Conceituada em Estética e Cosmetologia, com diversas especializações e experiência na área.

Drauzio Varella – Médico Oncologista, Cientista e Escritor Brasileiro, formado pela Universidade de São Paulo e conhecido por popularizar a informação médica no Brasil.

É isso pessoal… Espero ter ajudado a esclarecer as dúvidas sobre acne.

Tem algum tema que você gostaria de ler por aqui? Deixe nos comentários e eu faço a pesquisa e te entrego pronta!

Fico por aqui e nos vemos na próxima segunda com mais Dicas da Maia. 

Ficou com alguma dúvida?

Deixe aqui nos comentários e eu irei te responder em breve! 

Ficou com alguma dúvida?

Deixe aqui nos comentários e eu irei te responder em breve!  Dicas da Maia

 

Melasma. Tratando o mal pela raiz!

Dicas da Maia Fala comigo Brasil!

No último post falamos sobre a escolha do Protetor Solar e para quem ainda não viu essa postagem, segue aqui o link:

ppd-e-fps

https://dicasdamaia.wordpress.com/2017/10/02/protetor-solar/

Hoje continuamos falando sobre pele, por isso deixei o link acima, pois a escolha certa do Filtro Solar ajuda, e muito, a evitar esse terror, que é o Melasma – nosso tema de hoje.

E a ideia é começar, literalmente, pela raiz do problema.

Bora lá!

Entendendo o Melasma:

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Melasma é uma manchinha escura que aparece no rosto e normalmente atinge áreas como testa, bochechas, nariz e buço. Sua tonalidade varia de acordo com seu grau, desde o marrom mais clarinho até o bem escuro. Ele possui níveis diferentes, como: superficial, médio ou profundo. E cada nível precisa de um tratamento diferente.

MELASMA NO ROSTO.JPG

O que é bom pra mim, não necessariamente será pra você.

Em você:

Tratamento pra um é diferente pra outro

Em mim:

PELE COM PRINCÍPIO DE MELASMA - Cópia IMG_2640.JPG

Ele atinge homens e mulheres, mas a maior incidência ocorre nas mulheres.

Melasma-Tratamento-Laser-Spectra-Elektra-Vektra-Dr-Alexandre-Lima-Dermatologista-Belo-Horizonte-BH-03-150x150

Infelizmente não tem cura, mas existem tratamentos diversos que podem auxiliar em seu controle.

O que causa/ativa o Melasma?

Genética – Ele pode ser herdado dos pais, avós, bisavós… e é intensificado com outros fatores como tipo de pele, o que você ingere, quantidade de sol que se toma, entre outros.

mulher-gravida-praia

Alteração Hormonal – Geralmente durante o período de gestação, menopausa e na ingestão de anticoncepcionais.

Sol – Nesse caso, é cumulativo. É o sol que você toma ao longo da vida e não somente no verão. Para quem já tem o melasma, o sol no verão vai intensificá-lo, mas para quem ainda não o desenvolveu, não significa que irá desenvolver por tomar sol uma vez ou outra, contanto que esteja sempre protegido com Filtro Solar e evite o sol no rosto.

Luz – De casa, do trabalho, do celular, do computador… Sim, essas também podem intensificar as manchas.

Luz Computador

Calor/Altas Temperaturas – Não é apenas o calor do Sol que mancha a pele; o calor do laser, do forno, secador, banhos muito quentes, aquecedor, cera quente… também desencadeiam a super produção da melanina e consequentemente, do melasma.

Estresse – ele ativa o melasma devido à produção de Cortizol, que faz uma bagunça nos hormônios, tornando o pigmento ainda mais escuro.

Estresse

Entendendo o surgimento e/ou agravamento do melasma?

O nosso corpo produz melanina, que é a principal responsável pela pigmentação (pele, olhos, cabelos) e pela proteção da radiação solar. No intuito de proteger a pele, quando há exposição ao calor e ao sol, há uma produção muito intensa de pigmento, o que cria ou intensifica as manchas (melasma).

Melanina

Melasma é uma doença? Dói? Progride para outras doenças?

Não.

Então por que tratar o Melasma?

Há quem diga que é puramente questão de estética.

Sim. É uma questão de estética, mas pode gerar outros problemas.

Como sofro desse mal e conheço muitas pessoas que também sofrem, posso fazer aqui uma listinha básica com alguns deles:

1-Complexo-de-Inferioridade

– Baixa autoestima;

– Inibição no convívio social;

– Estresse ou Ansiedade (que aumentam as manchas) e podem levar uma pessoa à depressão;

– Por ser um tratamento não muito barato, pessoas começam a usar receitas caseiras ou produtos sem prescrição médica, o que acaba piorando o grau do melasma ou até adquirindo outros problemas de pele, como alergias, queimaduras, manchas piores ou até aumentando o grau do melasma para um de mais difícil tratamento.

JOSI FOTO

– Envelhecimento precoce da pele devido ao uso excessivo de maquiagem para esconder as manchas;

– Dificuldade em conseguir emprego/trabalho em função da aparência;

– Bullying – mesmo que em forma de brincadeira, para uma pessoa que sofre com a doença e já está passando por dificuldades para lidar com o problema ou outros fatores da vida pessoal, pode facilmente ser abalada pelo comentário/deboche dos amigos, colegas de trabalho, familiares ou outros;

– E muito mais!

 maxresdefault

Tratamento:

Hoje existe uma infinidade de produtos e aparelhos no mercado, como:

Derma Roller ou Micro Agulhamento;

DERMAROLLER MELASMA.jpg

Peelings;

peeling

Aplicação de ácidos injetáveis;

acido-hialuronico

Laser – Lembrando que nem todas as peles aceitam bem o laser ou são fotossensíveis, podendo ocasionar o efeito rebote, onde a mancha volta por completo ou pior;

Woman receiving facial skin treatment

Produtos de uso tópico como ácidos, pomadas, vitaminas;

Cremes, Tratamentos, Pomadas...

E vários outros. Mas é sempre indicada uma consulta com um Profissional qualificado,  pois o uso de aparelhos e/ou manipulação de ácidos de forma incorreta pode agravar o melasma e acabar ocasionando o efeito rebote ou outros problemas de pele.

Como eu sei disso?

Eu fiz exatamente tudo de errado que listei aqui a ponto de agravar minhas manchas, levando-as para um nível de superficial para profundo.

E hoje isso vai me exigir um tratamento bem mais caro, longo e demorado do que se tivesse agido da forma mais sensata desde o início.

Minha pele antes de arriscar resolver sozinha, o melasma:

Antes do Melasma
Melasma Superficial

Minha pele hoje, antes de começar o tratamento com um Profissional e após o uso de vários produtos por conta própria:

MELASMA PROFUNDO
Melasma Profundo

Por que não é indicado que eu siga receitas caseiras ou use tratamento por conta própria?

Um profissional especializado vai avaliar qual é seu histórico, tipo de pele, grau de melasma; e vai aplicar um tratamento, além de orientar a manutenção em casa que seja adequada pra você.

Quando você utiliza receitas feitas para outra pessoa ou aparelhos que você não conhece bem, eles podem até funcionar pra você, no início; mas o resultado pode ser desastroso e ficar muito mais caro e demorado do que se tivesse tratado com um profissional da área desde o início.

Dicas da Maia que não vão prejudicar a sua pele – Cuidados em casa:

Protetor Solar para uso diário – O filtro solar precisa ser de alta proteção UVA e UVB. Se for também foto estável, não há a necessidade de retoque a cada 2 horas.

ppd

Por exemplo, se você trabalha em ambiente fechado e seu protetor é foto estável, não há necessidade de retocá-lo de 2 em 2 horas. Isso pode ser feito com menor frequência, podendo ser usado um pó compacto com FPS, pois o foto protetor não vai desestabilizar e vai garantir a proteção UVA.

Protetor Solar para praia e piscina – O protetor precisa de alta proteção UVA e UVB e retoque a cada 2 horas.

Protetor na Água

Limpeza da pele diária – A limpeza diária auxilia nos tratamentos que você faz e também na melhor absorção dos produtos de manutenção.

Cuidados Diários com a Pele

Argila branca – Ela tem o efeito clareador da pele e pode ser usada em casa até duas vezes por semana com tempo máximo de permanência de até 20 minutos.

Argila Branca

Vitamina C – Pode ser usada em formato de cremes e séruns – lembrando sempre do Filtro Solar.

Variedade de Vitamina C

Antioxidantes (Vitaminas, Minerais…) – Consuma alimentos que são ricos em antioxidantes, como por exemplo, o chá verde, o azeite de oliva, amêndoas, frutas cítricas, orégano, tomilho, cebola, tomate, cenoura, brócolis, morango, banana, chocolate amargo, açaí… e uma infinidade além desses que citei (Farei um post futuramente falando um pouco mais sobre os antioxidantes).

Antioxidantes

Boa alimentação e Hidratação – Beba muita água!

Hidrate-se

Bom pessoal, o tema é muito extenso e não dá pra falar tudo em um único post, mas com certeza continuarei com o assunto em outros posts aqui no Blog e levarei algumas dicas nas redes sociais.

Começo meu tratamento esse mês com a Biomédica Débora de Campos e em breve virei falar um pouco mais sobre o melasma e claro, mostrar o resultado do tratamento.

Até a próxima segunda com mais Dicas da Maia!

Ficou com alguma dúvida? Conhece algum tratamento que eu não citei aqui?

Deixe aqui nos comentários e eu irei te responder em breve! Dicas da Maia