Tendências para o Verão 2019!

Dicas da Maia. Josi MaiaFala comigo Brasil!

Quem me acompanha aqui no Blog e nas Redes Sociais, sabe que em Abril eu participei do Minas Trend, um dos maiores Eventos de Moda da América Latina, e nessa edição, pude conferir as apostas das marcas para o Verão 2019.

    

Se você ainda não conferiu, clique nos links abaixo e acompanhe a cobertura completa do evento:

Minas Trend – O Evento
Minas Trend – Como foi o Evento – Desfiles Parte 1
Minas Trend – Como foi o Evento – Desfiles Parte 2

E hoje eu trouxe hoje pra vocês, algumas das macrotendências para 2019 e dicas de onde comprar com aquele precinho babadeiro.

Sem mais delongas, borá lá?!

 

Tendências para o Verão 2019!

Baseando-me nas pesquisas constantes, nos últimos Eventos de Moda e principalmente neste, selecionei algumas das macrotendências, que são aquelas que funcionam como indicativo de comportamento e interferem diretamente na criação das coleções, influenciam e prometem permanecer e se destacar durante toda a estação e reverberar nas próximas.

Tendências para o Verão 2019.jpg

Vale ressaltar que, uma grande tendência, presente em todos os desfiles do Minas Trend (Skazi, Virgílio Couture, Manzan, Natália Pessoa…), é o conforto, logo, todos os looks apostam nessa pegada, tanto nas roupas, quanto nos sapatos, na maquiagem, etc.

Selecionei algumas peças da Loja Spirallis, nossa mais nova parceira aqui no Blog, para ilustrar esse post por dois motivos:

Spirallis

Primeiro: A Loja apresenta uma infinidade de peças que já acompanham essa macrotendência, então fica fácil visualizar, se inspirar e comprar.

Segundo: Os preços são excelentes, tem descontos para pagamento a vista e agora começará a entregar em todo o Brasil.

 

Macrotendências

Listras

Tendência 2019 Listras.jpg

Listras tendência.jpg

 

Xadrez

XADREZ

. xadrez tendência 2019 .

 

Mix de estampas

    Mix de estampas.jpg

MIX ESTAMPAS.jpg

  

 

Floral

TENDÊNCIAS VERÃO 2019.jpg

FLORAL ESTAMPA.jpg

Poá

Poá.jpg

Poá tendência.jpg

Nas loja vocês também podem ver algumas tendências fortes como:

Ombro a ombro, Babados, Amarrações, Assimetria, Transparência… entre outras.

 

 

carita-felizE agora, aquelas Dicas da Maia que não podem faltarcarita-feliz

Apesar da cor do Pantone desse ano ser o ultra violeta, temos duas cores que se destacaram muito, já começando no Inverno de 2018 e se estendendo até o Verão de 2019. São as cores Amarela e Vermelha.

Babados

As tendências estão aí para nos apresentar o que temos de novidades. Não use só porque é tendência.

Use o que combina com você, o que tem o seu estilo e o que veste bem o seu tipo físico.

 

Quer mais dicas de tendências para aproveitar esse restinho de inverno 2018?

Inverno . 2018

Clique AQUI e confira.

 

Ficou com alguma dúvida?

Tem alguma tendência que você gostaria de ver por aqui?

Me conte nos comentários e eu trarei em um próximo post!

Fico por aqui e até amanhã!Dicas da Maia. Josi Maia

 

*Esse post contém publicidade.

Resenha – Protetor Solar Vichy Clarify FPS 60

josi Fala comigo Brasil!

Quem está acompanhando o blog, sabe que comecei um tratamento para o melasma recentemente (Confira AQUI o post sobre o Tratamento); e que cada uma das minhas descobertas para manter a pele saudável e sem manchas, venho sempre aqui compartilhar com vocês.

Continuando o procedimento no rosto

A descoberta da vez é o protetor solar com efeito clareador da Vichy, elaborado, de acordo com a marca, especialmente para a pele brasileira (normalmente mais mista e oleosa) e para nosso tipo de temperatura.

VICHY CLARIFY.png

Vale lembrar que o protetor solar deve ser usado sempre, independente de você possuir ou não melasma ou outras manchas de sol; e independente da marca, contanto que contenha em sua fórmula, os fatores de proteção UVA e UVB.

Protetores

Sobre o Protetor Solar da Vichy:

Apesar de ser indicado para todos os tipos de pele, por ter um toque super seco eu não recomendaria para peles muito secas, pois na hora de passar, para que ele espalhe bem e você não fique parecendo um PALHACINHO palhacinho PALHACINHO, você vai acabar esfregando muito a pele e pode acabar irritando, principalmente as mais sensíveis, porque ele não desliza tão facilmente e adere a pele bem rápido.

Se você tem a pele seca, não se preocupe, pois a marca tem vários protetores, além de uma infinidade de outras excelentes marcas que estão no mercado. Com certeza você vai encontrar o protetor ideal para seu tipo de pele e da marca que lhe agrada e você confia.

(Leia mais sobre a importância do uso do protetor solar e saiba como escolher o que vai lhe garantir proteção clicando AQUI)

Informações sobre esse produto:

protetor-vichy Protetor Gel-Creme

protetor-vichy Fator FPS 60 (protege dos raios UVB)

protetor-vichy Alta Proteção dos raios UVA

protetor-vichy Possui sistema de filtros MEXORYL XL + SX – O que garante proteção contra os danos causados pelos raios UVA e UVB

protetor-vichy Efeito Clareador – atenua áreas escurecidas da pele

protetor-vichy Hipoalergênico – Formulado pra minimizar o possível surgimento de alergias

protetor-vichy Cor de base que se adapta a 89% dos tons de pele

protetor-vichy Toque super seco – o “super” é por minha conta 🙂 e pela sensação que me causou.

protetor-vichy Cheiro – É bem suave e só sinto quando passo. Depois de seco na pele, quase não dá mais pra sentir

protetor-vichy Textura – Lembra uma base bem consistente e cremosa. Ao passar na pele, seca muito rápido e é absorvido em questão de segundos pela pele

protetor-vichy Durabilidade – 3 hrs de acordo com a marca e estou seguindo a risca. A maioria dos protetores você precisa retocar a cada duas horas e com esse, ganhei mais 1 hora de proteção e economia 🙂

protetor-vichy Enriquecido com água termal Vichy com propriedades suavizantes e fortificantes

protetor-vichy Aprovado pela ANVISA

protetor-vichy Custo / Benefício – Rende muuuuuito.

Como já diria a Copasa, cada gota conta. E conta mesmo porque ele não é barato. É acessível.

Mas você usa em gotas. Algumas gotas, em etapas, para não acumular muito produto no rosto, no pescoço e no colo. Não precisa usar muito, até porque se passar demais vai ficar com cara de fantasminha. FANTASMINHA

FANTASMA QUE TODOS QUEREM TER
Agora se for esse o fantasminha, eu vou gostar bastante! 🙂 Vou inclusive indicar para todos usarem esse protetor em excesso…

Claro que para a exposição ao sol, em caso de praias, piscinas ou atividades onde sua exposição ou suor são mais intensos, é importante que passe uma camada mais abundante de protetor, aí nesse caso, recomendo um sem base pela minha experiência, pois em excesso esse protetor te deixa com o rosto, pescoço e colo bem claros, pelo menos para o meu tom de pele.

MEU TOM DE PELE
Meu tom de pele… para referência.

Vale lembrar que o corpo também deve ser protegido, mas não costumo usar o mesmo do rosto, no corpo. Então fica a critério e cada um se o corporal será com ou sem base. Eu vario entre os dois de acordo com a situação e com o estado da pele no dia.

Estou amando...O que eu estou amando?

Depois de alguns minutos que você passa ele se mistura ao tom da sua pele dando uma aparência bem natural e cobre as manchas como se fosse uma base de menor cobertura, por isso o aspecto natural.

Proteção UVA e UVB garantida, pois o protetor é dermatologicamente testado e aprovado pela ANVISA.

ANVISA

Ele tem efeito matte, mas não deixa a pele tão seca e opaca. Mantém um leve brilho que deixa o aspecto bem natural.

Transferência – Transfere muito pouco para outras superfícies como telefone por exemplo.

PROTETOR E TRANSFERÊNCIA

Não estou amando tanto assim... O que eu não estou amando tanto?

Valor: varia de 70 a 90,00. PREÇO Podia ser mais baratinho. 🙂

Textura (principalmente ao passar no rosto) – Ele é bem difícil de espalhar e seca muito rápido; e como minha pele é sensível em algumas regiões, preciso ser muito cuidadosa para não irritar e pra não exagerar na quantidade, justamente para não ter que esfregar e pelo risco de ficar muito pálido e artificial.

ESPALHABILIDADE DA VICHY

Onde você pode comprar?

Farmácias comuns, farmácias on-line, Lojas físicas, sites de venda como Mercado Livre, Magazine Luiza, entre outros.

Dicas da Maia:

Barato que sai caro! precoprecopreco

Fiquem atentos a alguns protetores que não são testados dermatologicamente ou não são aprovados pela ANVISA.

Preço nem sempre significa qualidade, mas em caso de protetor solar, desconfie do “barato demais”. Não que um baratinho não vá ter qualidade, mas se estiver abaixo da média, pesquise antes, leia as informações na embalagem do produto, pesquise na Internet, ligue no atendimento ao consumidor…

pesquisa

Não lhe faltarão opções para ter certeza de que o seu dinheiro investido está realmente cuidando da saúde e beleza da sua pele.

Fator de Proteção – Só FPS resolve?

protetor

De acordo com a ANVISA (normativa aprovada em 2012), todas as fórmulas de protetor solar devem conter o fator PPD/anti-UVA/FPUVA e apresentar essa informação na embalagem. Ou seja, se o protetor que você está comprando não tem essa informação, procure outro imediatamente.

“Passei o Protetor de manhã. Tô Protegida?”

NÃO.

Retoque o protetor a cada duas horas, a não ser que a embalagem te garanta outra duração.

Pesquise!

Faça uma pesquisa em sites e lojas físicas. Sempre existe diferença de preço ou promoções interessantes. Encontrei em uma farmácia por 89,90 e no Mercado Livre por 70,00, o mesmo protetor solar.

Jogada Comercial

propaganda.png

FPS 100 / 150 / 200 e seus mitos – Fator de Proteção acima de 50 não altera significativamente com relação à proteção, apenas com relação ao preço. Então se estiver em dúvida ao comprar um protetor de fator 100 que custe R$ 200,00 e um de fator 50, que custe R$ 100,00, fique com o mais barato, contanto que ele cumpra os quesitos determinados pela ANVISA (apresentando na fórmula e embalagem os fatores de proteção para UVA e UVB). Muitas empresas usam dessa jogada para vender os protetores por um custo muito mais alto em relação ao aumento de benefício de proteção, que é mínimo do fator 50 para 100.

Inclusive já fica aqui uma diquinha básica para que não se enganem com empresas que usam o nome “Bloqueador Solar”, pois de acordo com as novas regras do Mercosul, é vetada esse tipo de indicação nas embalagens, pois induz o consumidor a achar que 100% da radiação está sendo bloqueada. #SóqueNão

Fonte: https://www.sbcd.org.br/pagina/1796 e Folha de SP.

Bom, é isso… Por hoje encerro nosso post e nos vemos na próxima segunda com mais Dicas da Maia.

Ficou com alguma dúvida?

Deixe aqui nos comentários que te respondo em breve! josi

Melasma: Tratamento e algumas curiosidades!

josi Fala comigo Brasil!

Hoje eu voltei com o tema “Melasma”, como prometido, pois dei início a um tratamento na última semana e quero mostrar detalhes do início ao fim para que possamos comparar, fazendo um “antes e depois”.

Passando o DermaRoller na bochecha

Claro que o “antes e depois” vai demorar um pouquinho ainda, porque o tratamento não acontece como mágica; leva um tempo pra aparecerem os resultados, mas já dá pra tirar as dúvidas de muita gente que não tem ideia de quais são as opções, como são e se funcionam.

Pra quem ainda não leu o post sobre Melasma, onde falo com detalhes o que é, suas causas, o que fazer para evitar e os diversos tipos de tratamentos que existem, segue aqui o link: https://dicasdamaia.com.br/2017/10/09/melasma/

Sem mais delongas… Bora lá!

Só relembrando: O que é o Melasma?

É uma manchinha escura que aparece no rosto e normalmente atinge áreas como testa, bochechas, nariz e buço. Sua tonalidade varia de acordo com seu grau, desde o marrom mais clarinho até o bem escuro. Ele possui níveis diferentes, como: superficial, médio ou profundo. E cada nível precisa de um tratamento diferente.

Melasma antes

O meu, como podem perceber vai de médio a profundo.

Tratamentos:

Hoje existe uma infinidade de técnicas, produtos e aparelhos no mercado, como:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Micro Agulhamento;

Peelings;

Aplicação de ácidos injetáveis;

Laser – Lembrando que nem todas as peles aceitam bem o laser ou são fotossensíveis, podendo ocasionar o efeito rebote, onde a mancha volta por completo ou pior;

Produtos de uso tópico como ácidos, pomadas, vitaminas; entre outros.

 

O meu Tratamento:

Débora de Campos Primeira etapa: Consulta e Avaliação da minha pele e histórico.

Sim. É realizada uma avaliação também do seu histórico de saúde, hábitos, sua rotina, etc; para saber/avaliar se sua pele pode ou não receber determinado produto, o que você já usou e por quanto tempo, as possibilidades de alergias, se existe fotossensibilidade, e quando há, que é o meu caso, o laser e a luz pulsada são os primeiros da lista A SEREM CORTADOS, entre outras mil observações que são feitas sobre você e sua pele e anotadas em uma ficha de avaliação facial (Anamnese), que serve para controle e acompanhamento do profissional que está te tratando.

 

Avaliação pronta. Vamos às soluções para o meu tipo de pele e grau de melasma?

O tratamento proposto pela biomédica Débora Campos, inicialmente para 3 meses e depois existirão algumas reduções na frequência/manutenção e talvez alteração de algum procedimento:

VITAMINA C SERUM

Vitamina C – de uso tópico (30 ml – Varia de acordo com a marca de R$ 100,00 a 300,00)

 

HELIORAL

Antioxidante em cápsulas (60 cápsulas – Varia de acordo com a marca de R$ 70,00 a 200,00)

 

Derma roller

Microagulhamento – 1 sessão por mês (Varia de acordo com o local do tratamento de R$ 240,00 a 400,00 a sessão)

 

peeling

Peelings – 2 por mês (Varia de acordo com o local do tratamento de R$ 100,00 a 200,00 por Peeling)

 

CICAPLAST

Pomada CicaPlast Baume B5 – de uso tópico para auxiliar na cicatrização pós Microagulhamento (40 ml – Varia de R$ 60,00 90,00)

 

DERMOMAX

Dermomax Lidocaína – Pomada anestésica de uso tópico para ser utilizada antes do procedimento (5 ml – Varia de R$ 15,00 a 25,00)

E muito protetor solar.

 

Digo inicialmente, pois, como ela sempre afirma, de acordo com a resposta da pele, ela altera o tratamento, substituindo, retirando ou acrescentando um item. Por enquanto essa é a proposta que vocês acompanharão aqui junto comigo.

 

Observação importante: Esse cronograma de tratamento foi montado para o meu tipo de pele e melasma. Estou divulgando para que possamos acompanhar e avaliar juntas o resultado, para que mensurem o tempo necessário para se programarem financeiramente, pois uma vez começado o tratamento, o ideal é que vocês não parem; e para que saibam que existe sim, tratamento para essas manchinhas terríveis. Não sigam esse mesmo cronograma, pois pode não funcionar pra vocês, além do risco de se fazer determinados procedimentos ou usar medicamentos sem acompanhamento médico.

PROTETOR VICHY

Ah e por minha conta aderi também a um Protetor Solar da VICHY com Cor e Efeito Clareador, FPS 60, Fator de Proteção UVA e em Gel-Creme, que é ideal para peles oleosas.

Depois farei uma resenha sobre esse protetor pra vocês.

 

Primeiro dia: Microagulhamento

Antes de sair de casa, limpei a pele e passei a pomada anestésica Dermomax, indicada pela médica.

Melasma antes 1

E não passei nenhuma maquiagem, apenas o protetor solar.

Na clínica 1

Já no consultório, minha pele foi higienizada e uma nova camada de anestésico foi aplicada.

Higienização

O procedimento do Microagulhamento durou em média umas 2 horas.

Procedimento

 

Passando o DermaRoller na bochecha

Durante todo o procedimento e também ao final dele, meu rosto foi massageado com Vitamina C pura e Ácido Tranexâmico, para que eles penetrassem bem na pele.

Vitaminas e ácidos.jpg

No final do processo todo, o rosto fica bem vermelho, parece que você teve uma insolação (rs).

Pós derma roller imediato 1

 

Dermaroller completo no rosto pós 1

Coloquei meus óculos gigantes e saí de lá como se tudo estivesse normal e ninguém estivesse me olhando na rua…

ÓCULOS

Por dois dias não tomei sol e não usei nada no rosto – a não ser a pomada Cicaplast Baume B5.

Pós dermarroller rosto

Apesar de parecer machucado, o rosto fica apenas vermelho devido ao processo de inflamação e essa vermelhidão já começa a desaparecer no segundo dia.

PÓS MELASMA

E é exatamente onde começa a verdadeira “operação do milagre”

milagre

e seu corpo passa a produzir o colágeno que já não estava mais sendo produzido e há uma regeneração da pele durante uns 30 dias aproximadamente, que é quando a sessão poderá ser repetida.

calendario

Como meu melasma está em grau avançado, voltarei dentro de 15 dias para realizar 2 peelings; e passados mais 15 dias, retornarei ao Microagulhamento e assim vou continuar durante 3 meses, até que a biomédica alternará ou reduzirá algum procedimento ou medicamento, como havia dito no início.

mancha-melasma.jpg

Nesse primeiro procedimento ainda não teremos o resultado desejado, mas servirá de base para compararmos ao final desses três meses.

Tipo assim:

antes.jpg
Antes…
Depois
Depois.

#Sóquenão

O “antes e depois” poderá ser feito sem enganação e não tipo aquelas propagandas de “Perca 50 quilos de forma saudável em 7 dias com uma dieta mágica”. Tipo essa aí de cima, não é?!

Importante ressaltar que, esse tempo estimado e tratamentos escolhidos, são para o meu tipo de pele. Para outras pessoas esse número pode ser menor ou maior, bem como o tipo de procedimento.

importante  Dicas Importantes  importante

Façam esse procedimento com um profissional, pois existe a forma correta de aplicar o Dermaroller, de higienizar o rosto e o que for utilizado durante a sessão – para evitar infecções – e até mesmo o tamanho das agulhas é diferente para cada problema a ser tratado, bem como os produtos aplicados durante o microagulhamento, são específicos e puros, livres de outras substâncias, que encontramos nos produtos que conseguimos comprar em farmácias, lojas de cosméticos, etc.

Um profissional especializado vai avaliar qual é seu histórico, tipo de pele, grau de melasma; e vai aplicar um tratamento adequado, além de orientar a sua manutenção correta em casa.

Quando você utiliza receitas feitas para outra pessoa ou aparelhos que você não conhece bem, eles podem até funcionar pra você no início; mas o resultado pode ser desastroso ou você pode ter um efeito rebote. E o tratamento pode ficar muito mais caro e demorado do que se tivesse tratado com um profissional desde o início.

DERMAROLLER EM CASA . DEU RUIM.
Antes                                                                                               Depois

 

Curiosidades sobre o Melasma e o Microagulhamento…

– Estresse e Ansiedade podem aumentar/escurecer as manchas devido a uma alteração hormonal. Isso vale também para acne. Estresse

– Algumas receitas caseiras, principalmente com uso do limão, ou produtos sem prescrição médica, podem piorar o grau do melasma, causar alergias, queimaduras e até manchas piores.

limao

– O nome do procedimento correto é Microagulhamento e não DermaRoller. DermaRoller é uma marca, assim como “Sugar”.

– A Técnica do Roller é aprovada pela ANVISA.

– O Roller deve ser descartado ao final do Microagulhamento e só pode ser utilizado em uma pessoa e uma única vez.

lixo

– Quem tem pele fotossensível, não deve utilizar tratamento com laser ou luz pulsada, pois o efeito rebote é garantido.

Woman receiving facial skin treatment

– Peles morenas e negras tem maior facilidade para adquirir manchas.

– Peles mais claras costumam ser mais sensíveis ao sol.

– Se você tem melasma é ainda pior, mas vale pra quem não tem também. Você passa protetor solar somente no rosto e toma sol nas pernas, braços ou qualquer outra parte descoberta e sem proteção. Seu melasma vai se intensificar da mesma forma, pois os raios UVA penetram profundamente na pele e as substâncias ali produzidas, entram na corrente sanguínea e seu organismo entende que precisa se proteger, liberando mais melanina e escurecendo suas manchas.

SOL

Aí você pensa: “Ah eu não tenho melasma. Tô de boas!” Não. Não está. As mesmas substâncias entram em sua corrente sanguínea, e como já disse no post sobre o uso do protetor solar (https://dicasdamaia.com.br/2017/10/02/protetor-solar/), tanto para o envelhecimento, como surgimento de manchas, etc… o sol é cumulativo.

– Um Protetor Solar deve apresentar Fator de Proteção UVA e UVB. Sempre.

ppd

– Retoque o protetor solar a cada 2 horas, a não ser que esteja em um ambiente fechado, tipo um escritório e esteja utilizando um protetor fotoestável, que garante uma proteção mais duradoura.

– Não é só o sol que causa ou aumenta o melasma; o calor também.

Pra finalizar: Aquelas Dicas da Maia, que você pode usar em casa e não podem faltar:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Argila branca – Ela tem o efeito clareador da pele e pode ser usada em casa até duas vezes por semana com tempo máximo de permanência de até 20 minutos.

Vitamina C – Pode ser usada em formato de cremes e séruns – lembrando sempre do Filtro Solar.

Antioxidantes (Vitaminas, Minerais…) – Consuma alimentos que são ricos em antioxidantes, como por exemplo, o chá verde, o azeite de oliva, amêndoas, frutas cítricas, orégano, tomilho, cebola, tomate, cenoura, brócolis, morango, banana, chocolate amargo, açaí… e uma infinidade além desses que citei (Farei um post futuramente falando um pouco mais sobre os antioxidantes).

Boa alimentação e Hidratação – Beba muita água!

Bom pessoal, o tratamento apenas começou e vocês vão acompanhar de perto, tanto aqui no Blog, pelas fotos e descrição do processo todo, como também nas redes sociais e em breve pelos vídeos, que estarão no Canal Dicas da Maia.

Sem título

Fico por aqui e até a próxima segunda com mais Dicas da Maia!

Ficou com alguma dúvida?

Deixe aqui nos comentários e eu irei te responder em breve!  josi